Seja bem vindo(a)

Todos serão bem vindos ao meu blog, participe, de sua opinião, critique se necessário, faça parte desta história.
.

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Video elaborado pelos alunos

Este vídeo foi elaborado a partir da história contada A menina e o pássaro encantado.

terça-feira, 25 de maio de 2010

A menina e o pássaro encantado

Alguns alunos trabalharam na elaboração e digitação da síntese do texto. Esta aqui é A menina e o Pássaro encantado.

HQ

Um grupo de alunos trabalhou com o HQ, e recontaram a história em forma de diálogo. Aqui vai uma parte da história que eu fiz uma captura de tela e estou enviando para vocês verem

Impress

Os alunos trabalharam também com o Impress, mas este eu não sei como colocar aqui no blog, ainda.

Slide Show- A menina e o Passaro encantado

Após o trabalho em Grupo para descidir o que colocar no slide Show, esta e a produção de um dos grupos

A partir deste texto de Rubem Alves, começo a colocar os trabalhos dos alunos

Para o adulto que for ler esta história para uma criança: Esta é uma história sobre a separação: quando duas pessoas que se amam têm de dizer adeus… Depois do adeus, fica aquele vazio imenso: a saudade. Tudo se enche com a presença de uma ausência. Ah! Como seria bom se não houvesse despedidas… Alguns chegam a pensar em trancar em gaiolas aqueles a quem amam. Para que sejam deles, para sempre… Para que não haja mais partidas… Poucos sabem, entretanto, que é a saudade que torna encantadas as pessoas. A saudade faz crescer o desejo. E quando o desejo cresce, preparam-se os abraços. Esta história, eu não a inventei. Fiquei triste, vendo a tristeza de uma criança que chorava uma despedida… E a história simplesmente apareceu dentro de mim, quase pronta. Para quê uma história? Quem não compreende pensa que é para divertir. Mas não é isso. É que elas têm o poder de transfigurar o quotidiano. Elas chamam as angústias pelos seus nomes e dizem o medo em canções. Com isto, angústias e medos ficam mais mansos. Claro que são para crianças. Especialmente aquelas que moram dentro de nós, e têm medo da solidão… As mais belas histórias de Rubem Alves Lisboa, Edições Asa, 2003

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Cumprindo parte do plano de aula

PROJETO DE LEITURA
AUTOR DO MÊS DE MAIO: RUBEM ALVES
Iniciamos, 4º e 5º anos, nossos trabalhos falando sobre o tema Projeto de leitura e discutindo quais livros, do autor Rubem Alves, iremos trabalhar. Para podermos decidir lemos a sinopse de alguns livros infantis disponíveis na escola.
Optamos pelos livros “A menina e o pássaro encantado” e “A voltada do pássaro encantado”, ambos os livros falam de amor e separação, não exatamente separação de casal, mas a separação das pessoas que amamos e que se vão para longe e demoram a voltar.
O segundo passo foi dividir os alunos em pequenos grupos, onde cada um trabalhará um dos aplicativos: Impress, Slide Show, HQ e Editor de textos. Todos estes aplicativos já foram trabalhados anteriormente com os alunos, em menor escala, mas é do conhecimento de todos.
Em seguida a professora leu para os alunos as histórias escolhidas e a partir das histórias lidas cada grupo se encarregará de fazer suas atividades: Recontar a história (Editor de texto), Contar a história usando as gravuras do livro (Impress), Contar a história e colocar gravuras que lembrem a história (Slide show), usar somente os diálogos da história (HQ).
Na semana que se segue assistiremos aos slides com entrevista de Rubem Alves e o Slide com a história “A menina e o Pássaro encantado” e em seguida iniciaremos os trabalhos propriamente ditos em grupos.

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Ultimos passos

Estamos na reta final do curso. Está tudo encaminhado, só falta a prática do plano. Mas foi um curso muito bom, e com certeza eu recomendo para todos que querem aprender algo de novo de verdade.

terça-feira, 11 de maio de 2010

Estes vídeos servirão como base de pesquisa para os alunos, pois assim facilitará a pesquisa.

Coleta seletiva

É um sistema de recolhimento de materiais recicláveis, tais como papéis, plásticos, vidros, metais e orgânicos, previamente separados na fonte geradora. Estes materiais são vendidos às indústrias recicladoras ou aos sucateiros. As quatro principais modalidades de coleta seletiva são: domiciliar, em postos de entrega voluntária, em postos de troca e por catadores. A coleta seletiva domiciliar assemelha-se ao procedimento clássico de coleta normal de lixo. Porém, os veículos coletores percorrem as residências em dias e horários específicos que não coincidam com a coleta normal. A coleta em PEV - Postos de Entrega Voluntária ou em LEV - Locais de Entrega Voluntária utiliza normalmente contêineres ou pequenos depósitos, colocados em pontos fixos, onde o cidadão, espontaneamente, deposita os recicláveis. A modalidade de coleta seletiva em postos de troca se baseia na troca do material entregue por algum bem ou benefício. O sucesso da coleta seletiva está diretamente associado aos investimentos feitos para sensibilização e conscientização da população. Normalmente, quanto maior a participação voluntária em programas de coleta seletiva, menor é seu custo de administração. Não se pode esquecer também a existência do mercado para os recicláveis.
Reciclagem é um conjunto de técnicas que tem por finalidade aproveitar os detritos e reutiliza-los no ciclo de produção de que saíram. E o resultado de uma série de atividades, pela qual materiais que se tornariam lixo, ou estão no lixo, são desviados, coletados, separados e processados para serem usados como matéria-prima na manufatura de novos produtos. Reciclagem é um termo originalmente utilizado para indicar o reaproveitamento (ou a reutilização) de um polímero no mesmo processo em que, por alguma razão foi rejeitado. Reciclar outro termo usado, é na verdade fazer a reciclagem. O retorno da matéria-prima ao ciclo de produção é denominado reciclagem, embora o termo já venha sendo utilizado popularmente para designar o conjunto de operações envolvidas. O vocábulo surgiu na década de 1970, quando as preocupações ambientais passaram a ser tratadas com maior rigor, especialmente após o primeiro choque do petróleo, quando reciclar ganhou importância estratégica. As indústrias recicladoras são também chamadas secundárias, por processarem matéria-prima de recuperação. Na maior parte dos processos, o produto reciclado é completamente diferente do produto inicial.
Vídeo relacionado ao trabalho que será realizado pelo 5º ano

Semana complicada

Estas duas ultimas semanas tem sido muitíssimo complicado, é muita coisa ao mesmo tempo: dia das mães, entrega de boletins, problemas particulares, uma infinidade de coisa que parece que vou ficar louca, mal consigo fazer as atividades. Eu estou feliz com o curso, mas muito cansada e para ajudar estou sem criatividade para "bolar" um plano de aula decente, rsrsrs, minha mente está se recusando a pensar. Acho que preciso de férias, kkkkkkkkkkkkk. Boa semana a todos.